" Preocupações, Insegurança e Angústia"



Olá meninas, peço mil desculpas pelo sumiço.. Desde sexta estou na maior correria, a faculdade está começando a ficar puxada outra vez, afinal, já estamos no último semestre e eu não vejo a hora das férias chegarem para poder viajar .. <3

Já contei para vocês a novidade? Começo hoje um "curso" de fotografia no Senac. É no período da noite, então vou fazer o máximo do máximo para deixar o blog atualizado ok?

Sabe quando você chega em um ponto da sua vida, em que começa a refletir sobre tudo que tem acontecido, todas as coisas que você fez e deixou de fazer, os lugares que frequentou, as pessoas em quem confiou todos seus maiores segredos, suas escolhas, atitudes, enfim, tudo? Pois é, estou neste ponto da minha vida, tentando não olhar para trás, porém, é quase inevitável você deixar de fazer comparações de ontem com hoje e de como será o amanhã!

Tento me focar mais no presente e pensando no futuro, aonde vou querer estar daqui cinco, seis anos, aonde vou estar trabalhando, o que estarei fazendo, quem estará ao meu lado, aonde vou estar morando, e por ai vaí. São tantas coisas que tomam meus pensamentos todos os dias antes de dormir, que ás vezes chego a pensar que realmente vou enlouquecer.

Posso dizer de coração aberto que este semestre na faculdade, com o corpo dos professores eu me sinto mais capacitada, motivada para acordar cedo todos os dias e seguir firme par a reta final, pois a matéria me conquista a cada dia que passa, os professores são excelentes e vale muito a pena deixar de sair no final de semana, para ficar estudando, revisando aquele conteúdo que não ficou claro na minha cabeça, ou apenas dar uma lida no texto complementar.(Não estou puxando saco da minha faculdade e muito menos dos professores tá?). Eu penso que faltam só dois anos para eu me formar e assim que eu sair da faculdade as coisas vão realmente mudar. Que seja para melhor!

As vezes fico insegura e confusa, se realmente eu devia estar tomando tal decisão, escolhendo este caminho e não aquele, ouvindo essas pessoas e não aquelas, seguindo o meu sonho e não o sonho da minha família. Dizem que é muito comum nesta fase de quase adulto ficarmos tão inseguros, porém, eu já sou tão insegura por natureza, mas mesmo assim eu faço acontecer.

Espero que todas essas dúvidas e angústias vão para longe e me deixem sozinha, para eu conseguir pensar e refletir com a minha própria cabeça, sem ninguém me dizendo o que devo ou não fazer.




Nenhum comentário:

Postar um comentário